sábado, 21 de maio de 2016

maybe tomorrow

A certeza da incerteza era o que havia de certo.
Barreiras de gelo foram quebradas e - pelo menos por agora, as últimas gargalhadas dadas...
Não sei... Talvez tenha sido uma só bola de neve mas que quando me atingiu, tomei noção das proporções que atingira. Mas não sei. Ainda não sei. Se era uma pequena bola ou uma avalanche.

A certeza põe termo à incerteza.
Mas não sei. Quem disparou em direcção a quem. Se haverá quem tenha puxado o gatilho. Ou se algum alguém, dará o corpo às balas.

O termo da incerteza só trouxe mais incerteza.
E então, talvez amanhã. Talvez amanhã tome certeza daquilo que por ter sido (desde cedo) incerto, achava ser certo. Foi correcto.

"And I don't know what to say, Tomorrow is a different day!"




domingo, 8 de maio de 2016

Livros - Shadow Hunters

Começo por pedir desculpa pela ausência, mas o mês de Abril representou todo um novo período de adaptação ao novo emprego que, só por acaso, estou adorar!
Daí não ter tido tanta disponibilidade para cá vir actualizar o blog.

O primeiro post de Maio é uma nova rubrica cá do blog! Chama-se "Fragmentos de um diário" e neles podem ler algumas passagens e/ou desabafos que eu ia partilhando no meu antigo blog, como Miss Little. Apesar de não representarem em nada, a fase da minha vida em que actualmente estou, "Fragmentos de um diário" representa a menina que outrora fui.

Novidades! Como já sabem, ou deviam saber, sou viciada em séries e decidi começar a ler os livros da saga Caçadores de Sombras (Shadow Hunters) da Cassandra Clare e estou amar! Actualmente estou a terminar o segundo volume - A cidade das cinzas, mas já tenho o terceiro em meu poder - A cidade de vidro. Já vi o filme e a primeira temporada da série. Não desiludem mas após a leitura do livro, sentimos que se só tivéssemos ficado pela TV, faltariam momentos importante para o desenrolar de todo o enredo!

Elenco da série Shadow Hunters

EU A-D-O-R-O LIVROS, sinto como se estivesse dentro das histórias, presente na vidas das personagens! Desde cedo fui incentivada a trocar os brinquedos por livros - tenho inclusive a colecção da Anita, mas à medida que ia crescendo, só lia por obrigação.



Comecei por ler Nicholas Sparks, Margarida Rebelo Sousa, Daniel Oliveira, E. L. James... tudo muito dentro de romances mas agora colei na fantasia dos livros da Cassandra Clare graças ao sucesso da série que só volta daqui a uns mesitos para a segunda temporada! Até lá, faltam-me 4 de 6 volumes da saga, e há muito para ler.

@E vocês? São fãs de que tipo de leituras? Aceito sugestões!

Volto em breve,
Rita

sábado, 7 de maio de 2016

Fragmentos de um diário #1

"E eu perderia horas, escrevendo-te cartas que provavelmente lerias em momentos nostálgicos (com uma música significativa de fundo), que descrevessem vivências que, durante essa tua ausência, eu fui sujeita. Mas não tas enviei, não por falta de coragem ou coisa alguma, mas não chegaria papel algum para relatar as mudanças a que tive de me adaptar. Seria duro, para ti, ler toda aquela inexistência, toda aquela falta que... (não vale a pena completar). Os envelopes que essas cartas transportavam, iriam com um volume irregular, papéis em branco pelo meio também narravam dias assim, vazios. No entanto, mandar-te-ia uma foto com um sorriso tímido, que transparecia saudade e vontade, de ouvir a porta bater."